5 dicas para lhe ajudar no seu planejamento financeiro

Hoje  o post conterá um vídeo mas é evidente que teremos também conteúdo para acompanhar este vídeo. O tema como sempre é controle financeiro e prosperidade, pois uma coisa está sempre ligada a a outra.

E apesar de ser um pouco claro devemos ter em mente que o Planejamento Financeiro pessoal nada mais é que o mesmo processo que uma empresa faz durante sua existência. Ou seja, é um processo racional da nossa renda, ou seja, uma série de passos que lhe levarão a um fim, que é sempre a realização de algum sonho.

Seja uma viagem, seja a compra da sua casa própria, um carro ou até, simplesmente o pagamento das suas dívidas caso você esteja no vermelho. O Planejamento Financeiro lhe dará a chance de finalmente realizar seus sonhos de modo rápido ( ou não tão rápido ) mas sempre de modo racional e focado nos seus objetivos.

Aliás, este vídeo de planejamento foi bom porque na sexta-feira eu quero falar um pouco mais sobre isto. Foco. Algo que é muito importante para quem está tentando sair do vermelho ou tentando chegar a algum objetivo, seja ele qual for, pessoal ou profissional.

Portanto, sem mais delongas vamos então a 5 pequenas dicas que podem lhe ajudar em muito na sua organização financeira pessoal.

Manter os seus gastos abaixo do seu ganho atual

Este é o passo principal e talvez o mais importante de todos porque sem ele você não irá conseguir executar o restante.

Será dolorido pois no meio deste processo você irá necessitar ter uma frieza muito grande pois muitos dos luxos que você hoje dá a sua família terão que ser cortados.

Vender um carro, cortar TV a Cabo, transformar o celular em cartão podem ser necessidades para manter os eu gasto abaixo do que você ganha e ainda lhe dar um pequeno gás para poder investir ou então, poupar.

Assim, perca um grande tempo nesta fase. Uma planilha, ou até um papel de pão com tudo que você gasta mensalmente , o que você ganha serão necessários aqui.

Breve irei explicar em um post detalhado como executar esta parte aqui, mas, resumidamente, é pegar suas entradas ( salário e outros ), suas saídas e conseguir manter isto tudo sem que a entrada seja menor que a saída.

Ter objetivos claros

É uma coisa muito importante. Se você não tiver objetivos claros na mente, ou seja, aonde quer chegar nunca conseguirá ter forças para suplantar as privações que um processo de planejamento financeiro podem causar.

Sim, porque boa parte dos luxos que temos irá sumir quando fazemos este planejamento pois acabaremos por descobrir que ou não precisamos deles ou então, estamos pagando muito mais do que deveríamos por aquilo.

Assim, aqui, sente e coloque seus objetivos. Porque está poupando ? Porque está se planejando ?

Um exemplo é: estou poupando para comprar meu carro/casa daqui a alguns anos. Estou poupando para abrir meu negócio daqui a 5 anos.

Estou poupando ou diminuindo meus gastos para pagar dívidas que eu tenho com bancos ou financeiras.

Ou seja, ter objetivos claros lhe ajudará a ter um motivo para tudo que está fazendo.

Planejamento

Com os objetivos claros em mãos é hora de você começar a descobrir como chegar lá. E de posse de um gasto menor do que você ganha, o objetivo que tem em mente é hora de planejar-se, ou seja, saber quais os passos você terá que executar para chegar lá

Antes que você ache que isto é complicado, calma. Os passos para chegar a um objetivo são bem fáceis e vou exemplificar com um cenário bem fácil.

Por exemplo: meu objetivo é comprar uma televisão nova que custa por volta de 1500 reais até o final do ano. Estou em janeiro.

Até dezembro temos por volta de onze meses. Assim durante onze meses eu tenho que poupar por volta de R$136,00 para chegar ao final do ano ( dezembro ) com R$1500,00.

Ou seja, para cada um dos seus objetivos faça um planejamento objetivo e claro de como chegar lá, para que não tenha problemas no meio do caminho.

Poupar regularmente

Poupe sempre. Pois poupando é que você terá reservas para investimentos e inclusive, para algum problema que possa ter ocorrido na sua vida.

É interessante que você no início poupe pelo menos alguns reais por mês. Se você ganha pouco, poupe uns 10, 20 até 50 reais todo mês.

Se já ganha um pouco mais e fez o primeiro passo tente chegar ao nível de poupar pelo menos 30% do que ganha.

Garanto que sua velhice irá agradecer.

Investir bem

Este é um passo no qual ainda estou engatinhando mas lhes digo é importantíssimo.

Conhecer bem os investimentos lhe dará a capacidade de escolher os melhores e com maior rentabilidade para que o seu dinheiro não perca valor.

Invista sempre com sabedoria. E se precisar de dicas sempre acompanhe o Zé Dinheiro e outros muitos portais sobre o assunto.

É bom lembrar que hoje investimento não é coisa de rico. Há linhas de investimento hoje que você pode começar a utilizar com 100 reais no bolso, ou seja, valores bem pequenos.